PORQUE SURGIRAM HOMOSSEXUAIS?

       Esta vergonha vem de uma era muito remota. A vida se manifestou no reino animal, passando primeiro pela água e depois veio para a terra. Todos nós passamos por este mesmo caminho através de formas muito atrasadas, até chegarmos à forma em que estamos hoje. Foi uma caminhada muito longa para chegar à mente do nosso criador, conhecendo o bem e o mal.
       O homem chegou a ser um pouco menor que os anjos, como está escrito em Salmos Cp.8 Vs.5e6. O homem é um semideus conforme Salmos Cp.82 V.6, que Diz:” Eu disse: Vós sois deuses, e vós outros sois todos filhos do Altíssimo.  Em Isaías Cp.41 V.23, diz: “Anunciai-nos as coisas que ainda hão de vir, para que saibamos que sois deuses; fazei bem ou fazei mal, para que nos assombremos e, juntamente, o vejamos”.Em João Cp.10 V.34, respondeu Jesus: “ Não está escrito na vossa lei: Eu disse: sois deuses?”
       Os homens chegaram a uma imagem poderosa na terra, com a capacidade de mudar o mundo com a tecnologia elevadíssima que existe hoje. Encheram o mundo de cidades modernas e os cientistas vêem descobrindo coisas maravilhosas no universo. Muitos médicos famosos lutam a favor da vida, sendo capazes de dar vida até a quem já morreu.                           Eles têm capacidade para desfazer a semente do mal. Mas talvez eles ainda não saibam por que nascem os homossexuais e as mulheres lésbicas.
       Sabemos pela escritura que este mal vem por meio da prostituição.       Em Levítico Cp.19 V.19, Deus disse para Moisés, e ele falou para o povo dizendo: “Guardareis os meus estatutos; não permitirás que se ajuntem misturadamente os teus animais de diferentes espécies; no teu campo, não semearás semente de mistura, e vestido de diversos estofos não vestireis.” Já em Deuteronômio Cp.22 V.9, diz: “Não semearás a tua vinha de diferentes espécies de semente, para que se não profane o fruto da semente que semeares e a novidade da vinha.”
       Veja que o fruto é profanado. A mulher também é uma sementeira, conforme Levítico Cp.19 V.29 que diz: “Não contaminarás a tua filha, fazendo-a prostituir-se; para que a terra não se prostitua, nem se encha de maldade.”
       Nestes versículos citados, podemos observar que toda maldade do mundo vem por causa da prostituição, que causa a mistura do sangue. Nós também somos sementes, conforme Jeremias Cp.31 V.27 que diz: “Eis que dias vêm, diz o Senhor, em que semearei a casa de Israel, e a casa de Judá, com a semente de homens, e com a semente de animais.” Veja que a mulher é terra, conforme Jeremias Cp.22 V.29, e onde os espíritos são fecundados, segundo Zacarias Cp.12 V.1, onde diz que Deus forma o espírito do homem dentro dele.
       Quem tem inteligência sabe que a vida só se manifesta no mundo pelo sêmen. Se um homem tiver relação com uma mulher que teve relação recente com outro homem, o espermatozóide que fecundar o óvulo daquela mulher estará contaminado. Desta forma são gerados homossexuais ou mulheres lésbicas, devido à mistura do sangue. Quando a semente é profanada, nem a lésbica nem o homossexual gera filhos, são árvores inúteis. Em Deuteronômio Cp.22 V.22 diz: “Quando um homem for achado deitado com mulher casada com marido, então, ambos morrerão, o homem que se deitou com a mulher, e a mulher. Assim tirarás o mal de Israel.”
       Quem é a semente do mal?                                                                   
       Quando Deus disse que os pais não deixassem as filhas se prostituírem , é porque a prostituição é uma mistura de sangue, e com essa mistura aparecem os homossexuais, lésbicas, ladrões, feiticeiros, assassinos, e todo o  tipo de gente maligna.
       Em Isaías Cp.57 Vs.3e4, diz: “Mas chegai - vos aqui, vós os filhos da agoureira, semente de adultério e de prostituição. De quem fazeis o vosso passatempo? Contra quem escancarais a boca e deitais para fora a língua? Porventura não sois filhos da transgressão, semente da                                                                                                            falsidade?  Veja em Oséias Cp.4 V.14, onde Deus disse: “Eu não castigarei vossas filhas, que se prostituem, nem vossas noras, quando adulteram; porque eles mesmos com as prostitutas se desviam, e com as meretrizes  sacrificam, pois o povo que não tem entendimento será transtornado.” Veja  Oséias Cp.2 V.4, onde Deus disse: “E não me compadeça de seus filhos, porque são filhos de prostituições.”
       Este vírus afetou toda a humanidade. O homem não se contenta apenas com uma mulher a não ser que ele tenha o conhecimento da prostituição e souber o que ela traz de ruim para o mundo. É preciso ter muita sabedoria e prudência para vencer a tentação no corpo por causa do vírus, que corroe a mente tanto do homem como da mulher.
       Muitas mulheres não adulteram, porque não querem ver seus nomes desmoralizados na rua e se conservam até o fim da vida. Mas muitas traem o marido porque não agüentam a tentação do vírus da prostituição.
       Se a prostituta deixar de prostituir-se, após um ano ou dois anos ela se limpa, mas o homem não. Porque os filhos são dele; ele é quem gera. Toda semente que ele gerar estará contaminada com o vírus da prostituição, toda sua semente e gênero (gênero é uma reunião de corpos orgânicos que constituem espécies; raça; ou família), por isso é que se constituem várias espécies de gêneros maus e degradados.
       Se as religiões tivessem conhecimento e lembrassem o que está escrito em Deuteronômio Cp.22 V.9, onde o próprio Deus Disse: “Não semearás a tua vinha de diferentes espécies de semente, para que se não profane os frutos da semente que semeares, e a novidade da vinha.” Ora se a semente do campo não se pode semear misturada com outras espécies, porque haverá degradação nos frutos; Quanto mais a semente humana que está misturada com toda qualidade de sangue?
       Está muito longe para a raça humana chegar a uma civilização espiritual. A não ser que as religiões tivessem conhecimento das escrituras pelo lado espiritual com as ciências de Deus. Como está escrito em Provérbios Cp.22 Vs.17a21 que diz: “Inclina o teu ouvido e houve as palavras dos sábios, e aplica o teu coração                                                                                                                                                                                                                                                                                       à minha ciência. Porque é coisa suave, se as guardares nas tuas entranhas, se aplicares todas elas aos teus lábios. Para que a tua confiança esteja no Senhor, a ti tas faço saber hoje; sim, a ti mesmo. Porventura, não te escrevi excelentes coisas acerca de todo o conselho e conhecimento,para te fazer saber a certeza das palavras de verdade, para que possas responder palavras de verdade, aos que te enviarem?” Observamos nestes versículos que se as religiões estivessem com as ciências de Deus na consciência dos líderes, eles teriam conhecimento da vida e teria zelo por ela.
       O vírus da prostituição não teria invadido o mundo porque o povo é erva, eles teriam que ter cuidado com a semente da erva. Depois da semente humana contaminada, eles fazem de Jesus um advogado da semente perdida, só para enganar os tolos, dando a todos uma esperança falsa e tirando tudo o que eles têm. Em João Cp.17 V.9, quando Jesus fez oração pelos seus discípulos, Ele disse: “Eu rogo por eles; não rogo pelo mundo, mas por aqueles que mim deste, porque são teus.” Se Ele não veio para rogar pelo mundo, como iria morrer pelo mundo?
       Em Hebreus Cp.10 V.14 diz: “Porque, com uma só oblação, aperfeiçoou para sempre os que são santificados”. Onde fica o sacrifício Dele pelos pecadores do mundo? Em Atos Cp.13 V.23 diz: “Da descendência deste, conforme a promessa, levantou Deus a Jesus para Salvador de Israel. Deus levantou Jesus como Salvador de Israel.” E não do mundo da iniqüidade. Para o mundo da iniqüidade, a esperança está em Sofonias Cp.3 V.8 que diz: “Portanto, esperai-me a mim, diz o Senhor, no dia em que eu me levantar para o despojo; porque o meu juízo é ajuntar as nações e congregar os reinos, para sobre eles derramar a minha indignação, e todo o ardor da minha ira; porque toda esta terra será consumida pelo fogo do meu zelo.” E em Isaías Cp.33 V.12 diz: “E os povos serão como incêndios de cal, como espinhos cortados arderão no fogo.” Podemos observar nestes dois versículos, onde está a esperança deste mundo de iniqüidade.
       Em Isaías Cp.24 Vs.5e6, diz: “Na verdade a terra está contaminada por causa dos seus moradores; porquanto transgridem as leis, mudam os estatutos, e quebram a aliança eterna. Por isso, a maldição consome a terra, e os que habitam nela serão desolados; por isso serão queimados os moradores da terra, e poucos homens restarão.”
       A culpa de tudo isso está com os religiosos, os quais são os maiores transgressores das leis de Deus, porque pelas leis de Deus e os seus estatutos, o mundo chegaria a uma civilização espiritual. Mas, antes criam leis corruptas para proteger o mal, conforme Salmos Cp.94 V.20 que diz: “Podia acaso associar-se contigo o trono da iniqüidade, que forja o mal tendo por pretexto uma lei?”
       Em Deuteronômio Cp.23 V.17e18, Moisés disse: “Não haverá rameira dentre as filhas de Israel; nem haverá sodomita dentre os filhos de Israel; Não trarás salário de rameira (que é mulher adúltera) nem preço de cão (que é o sodomita) à casa do Senhor, teu Deus, por qualquer voto; porque ambos estes são igualmente abominação ao Senhor teu Deus.”
       Neste versículo observamos a determinação de Moisés sobre a mulher adúltera e o sodomita, a qual foi ordenança de Deus para Moisés. Porque Moisés fazia o que Deus ordenava. Quando Moisés falou isto para o povo, Deus já tinha dado os dez mandamentos. Em cada mandamento dado por Deus, havia uma conseqüência se o povo não os guardassem. Quando Ele disse não adulterarás, era porque no adultério haveria mistura de sangue. Por este motivo Deus disse para Moisés em Deuteronômio Cp.22 Vs.22a 24: “Quando um homem for achado deitado com mulher casada com marido, então ambos morrerão, o homem que se deitou com a mulher, e a mulher. Assim tirarás o mal de Israel. Quando houver moça virgem, desposada com algum homem, e um homem a achar na cidade e se deitar com ela, então, trareis ambos à porta daquela cidade e os apedrejareis com pedras, até que morram: a moça, porquanto não gritou na cidade, e o homem, porquanto humilhou a mulher do seu próximo. Assim tirarás o mal do meio de ti.”
       Que mal era este ao qual Moisés estava se referindo? Com certeza era o vírus da prostituição que contaminaria toda a humanidade. A mistura do sangue foi o berço para nascer mulher lésbica, e o homossexual, [que é o sodomita]. Estas pragas são as que mais contaminam a terra. Quando um homem tem relação com um sodomita ou com uma prostituta, chega em casa, e tem relação com sua mulher ;o vírus maligno entra no sangue desta mulher contaminando-a. Foi por isso que Deus falou para Moisés em Levítico Cp.20 V.13, dizendo:        “Quando também um homem se deitar com outro homem como com mulher, ambos fizeram abominação; certamente morrerão; e o seu sangue é sobre eles.”
       Você está vendo que a desmoralização deste mundo é por causa daquilo que as religiões pregam. Porque desde o começo do mundo Deus instituiu sacerdotes para cuidar do povo; Ele mandou que Moisés escrevesse um código divino para reger toda humanidade. Moisés começou a escrevê-lo em 1250 antes de Cristo, e foi concluído no ano 100 depois de Cristo, por João evangelista na Ilha de Patmos. Para concluir este código divino, o qual deveria reger a toda humanidade, durou aproximadamente 1350 anos. Hoje este código divino se encontra com quase toda a humanidade. Mas este código [que é a bíblia],deixou de ser um código divino para reger a humanidade, porque ele foi rejeitado pelos próprios sacerdotes.
       Hoje cada nação tem seu próprio código, criado do modo de cada nação. A bíblia está nas mãos dos charlatões só para comercializar com o povo.
       Foi o que o Apóstolo São Paulo falou em II Timóteo Cp.4 Vs.3e 4, dizendo: “Porque virá tempo em que não sofrerão a sã doutrina; mais, tendo comichão nos ouvidos, amontoarão para si doutores conforme as suas próprias concupiscências; E desviarão os ouvidos da verdade, voltando às fábulas.” Veja leitor: Paulo estava dizendo aqui que eles iriam voltar com as mesmas fábulas do passado. Observe que eles já tinham usado estas mesmas fábulas no passado; só que nos tempos de Paulo eles ainda não tinham surgido.
       Está provado que esta era é o tempo deles, porque fábulas são narrações de fatos imaginários, composição literária, alegoria que encerra uma lição moral, apólogo, mitologia, ficção e mentira, isto são fábulas, segundo o dicionário Aurélio.
       Em ll Pedro Cp.1 V.16 o apóstolo Pedro disse: “Porque não vos fizemos saber a virtude e a vinda do nosso Senhor Jesus Cristo, seguindo as fábulas artificialmente compostas; mas nós mesmos vimos sua majestade.” Pela expressão do apóstolo Pedro, iriam surgir muitas fábulas a respeito da vinda do Nosso Senhor Jesus Cristo.
       Vejamos quais foram estas fábulas:
       Em João Cp.14 V.19 Jesus disse que o mundo não o veria mais. Mas pelas fábulas dos homens, Ele vem a qualquer momento. Isto é mais uma fábula mentirosa.
       Os falsos doutores dizem que Jesus vem arrebatar a igreja a qualquer momento para levá-los para o céu, mas em Atos Cp.3 V.19a21, o apóstolo Pedro disse: “Arrependei-vos, pois, e convertei-vos, para que sejam apagados os vossos pecados, e venham assim os tempos do refrigério pela presença do Senhor. E envie ele a Jesus Cristo, que já dantes vos foi pregado, o qual convém que o céu contenha até aos tempos da restauração de tudo, dos quais Deus falou pela boca de todos os seus santos profetas, desde o princípio.”
       Outra fábula mentirosa que eles dizem para o povo é que lá no céu nem se come, nem se bebe, e nem se dão em casamento. Porque serão todos do mesmo sexo. Isto é mais uma fixação imaginária e mentirosa. E ainda dizem aos ignorantes que a ressurreição é da sepultura, ameaçando-os ainda com o diabo e o inferno de fogo. Estas são outras mentiras imaginárias. Observe, para quê a Bíblia está servindo hoje; Ela está nas mãos dos charlatões.
       Afirmo que a bíblia nunca deixará de ser um código divino, mas devemos ter muito cuidado com as novas traduções, porque elas podem desnortear da inspiração divina. Os pastores desta era não foram chamados por Deus para o ministério evangélico, porque eles rejeitam a Lei de Deus e a sua justiça. Porque a Lei de Deus e os seus estatutos são de geração em geração para combater o mal.
       Jesus disse em Mateus Cp.5 V.17e18: “Não cuideis que vim destruir a lei ou os profetas: não vim ab-rogar, mas cumprir. Porque em verdade vos digo que, até que o céu e a terra passem, nem um jota ou um til se omitirá da Lei sem que tudo seja cumprido.”
       Mas, cumprido por quem? Não era para todas as nações da terra cumprir? Como era que Jesus iria ab-rogar uma lei dada por Ele? Em Provérbios Cp. 28 V.4, diz que: “Os que deixam a lei louvam o ímpio; mas os que guardam a lei pelejam contra eles.”
       Se Jesus tivesse abolido a lei, Ele teria louvado aos ímpios, ou não? Se alguém diz que não está pela lei, neste caso estará louvando os ímpios. Em Romanos Cp.3 V.31, Paulo disse: “Anulamos, pois, a lei pela fé? De maneira nenhuma, antes estabelecemos a lei.” Em Romanos Cp.4 V.15 diz: “Porque a lei opera a ira; porque onde não há lei também não há transgressão.” Se a lei opera ira é por causa da vingança, porque Jesus disse que com a medida com quer tiverdes medidos hão de medir a vós [Mateus Cp.7 Vs.1e2].
       Em Romanos Cp.7 V.1 Paulo disse: “Não sabeis vós, irmãos (pois que falo aos que sabem a lei), que a lei tem domínio sobre o homem por todo o tempo que viver?” Paulo aqui falou para quem tinha conhecimento da lei, foi por isso que disse que falava para quem sabia a lei. Ninguém poderá anular a lei pela fé, porque alguns tentavam anular a lei pela fé. Em Romanos Cp.7 V.12, Paulo deu uma chave neles, dizendo: “E assim a lei é santa, e o mandamento santo, justo e bom.”
       As religiões não podem anular a lei de Deus, que são os 10 mandamentos, inclusive a guarda do sábado o qual é o quarto mandamento da lei de Deus. Quem fez isso foram os religiosos que rejeitaram o antigo testamento, dizendo aos pecadores que a salvação é pela graça. Eles mesmos abriram as portas para a abominação, para que o mal invadisse o mundo. Os homens sem terem conhecimento do código divino que é a Bíblia criaram e continuam criando todo tipo de lei iníqua para dar direito aos malfeitores, porque eles não têem conhecimento da justiça de Deus. Toda a culpa está nas religiões, a qual foi criada por Deus para civilizar as criaturas no campo espiritual, revelando o juízo e a justiça de Deus; as suas leis, e os seus estatutos para punição dos rebeldes sem misericórdia. Porque o homem natural não tem conhecimento da lei de Deus e de seus estatutos.
       Eles criaram os seus códigos com leis, que são cheios de sentimentalismo e misericórdia; para quem não merece misericórdia. Desta forma o mundo se encheu de corruptos e bandidos das piores espécies; matando, roubando, assaltando e estuprando. Pessoas honestas sendo ceifadas antes do tempo; clamor dos filhos sem pai e sem mãe, e muitas vezes famílias inteiras são chacinadas por estes bandidos. E o clamor de muitos tem se levantado até aos confins da terra sem solução.
      Se você examinar a formação destes bandidos são quase todos filhos de prostituição. Isto é, homossexuais, mulheres lésbicas, todas são sementes de prostituição. Foi o que Salomão falou em:  Eclesiastes Cp.1 V.15,onde ele disse: “Aquilo que é torto não se pode endireitar; aquilo que falta não pode ser calculado.” Lembre-se do que Isaías disse: Que semente de adultério e de prostituição são sementes de falsidade (Isaías 57.3e4).
       Em Oséias Cp.2 V.4 Deus disse para Oséias: “E não me compadeça de seus filhos, porque são filhos de prostituições.” Deus sabia as péssimas qualidades daqueles espíritos, porque o vírus da prostituição já tinha invadido o mundo.
       Quem são os culpados?
       São os próprios líderes religiosos; porque só se preocupam com o bem estar deles mesmos, e nunca se interessaram em civilizar o povo espiritualmente. Primeiro eles foram enganados, e continuam  enganando. Temos que anunciar a justiça e o juízo de Deus, porque o justo só é liberado pelo conhecimento; conforme Provérbios Cp.11 V.9.       
       Em Isaías Cp.33 V.12, Deus tem ameaçado fazer um grande holocausto com esta humanidade. Por que eles cobriram a terra de iniqüidade, e os únicos culpados são pastores e sacerdotes que nunca ensinaram a justiça e o juízo de Deus. Mas os que eles ensinam aos pecadores é graça, perdão, salvação e benção. Negam o retorno da vida que é o mais necessário. Isto seria  o que iria defender o povo de toda a iniqüidade, porque o que o homem plantar, isto ele ceifará.
       Em Levítico Cp.18 Vs.22 a 30 diz: “Com varão te não deitarás, como se fosse mulher; abominação é. Nem te deitarás com um animal, para te contaminares com ele; nem a mulher se porá perante um animal, para ajuntar-se com ele; confusão é. Com nenhuma destas coisas vos contamineis, porque em todas estas coisas se contaminaram as gentes que eu lanço fora de diante da vossa face. Pelo que a terra está contaminada; e eu visitarei sobre ela a sua iniqüidade, e a terra vomitará os seus moradores.
Porem vós guardareis os meus estatutos e os meus juízos, e nenhuma destas abominações fareis, nem o natural, nem o estrangeiro que peregrina entre vós; porque todas estas abominações fizeram os homens destas terras, que nela estavam antes de vós, e a terra foi contaminada. Para que a terra vos não vomite, havendo-a contaminado, como vomitou a gente que nela estava antes de vós.
Porém, qualquer que fizer alguma destas abominações, as almas que as fizerem serão extirpadas do seu povo. Portanto guardareis o meu mandado, não fazendo nenhum dos estatutos abomináveis que se fizeram antes de vós, e não vos contamineis com eles: Eu sou o Senhor, vosso Deus.”
       Observamos nestes versículos que estes povos fizeram todas estas abominações, com certeza todos eles foram contaminados, até com vírus do sangue dos animais. Será que este vírus não passou para a raça humana? Além disso a prostituição e o adultério proliferou-se no mundo. Em Provérbios Cp.20 V.9, diz: “Quem poderá dizer: Purifiquei o meu coração, limpo estou de meu pecado?” A prostituição e o adultério trouxeram toda a doença para a humanidade, os líderes religiosos nunca instruíram o povo para se defender desta maldição, porque todos estão contaminados, todos os habitantes da terra estão manchados com este pecado; e os líderes religiosos dizem aos contaminados, que o sangue de Jesus purifica de todo o pecado; mas será que é conforme os que eles dizem?
       Em I João Cp.1 V.7 diz: “Mas, se andarmos na luz, como Ele na luz está, temos comunhão uns com os outros, e o sangue de Jesus Cristo, seu Filho, nos purifica de todo o pecado.” Veja que esta tradução da bíblia não foi por orientação Divina. Porque, se eu estou na luz como Jesus está; eu preciso do sangue Dele para me purificar?
       É preciso que alguém me diga, que eu tenho que ter comunhão com os outros; se eu estiver na luz como Jesus está?
       Não preciso que ninguém me diga mais nada; porque estarei igual a Cristo. Porque, qual o pecado que Ele tem? Em Hebreus Cp.10 V.4 diz: “Porque é impossível que o sangue dos touros e dos bodes tire os pecados.” Todo ano era feito este sacrifício para os pecadores de Israel, mas mesmo assim muitos eram santificados pelo temor a Deus, guardando os seus mandamentos. O sacrifício de Cristo só foi para aqueles que guardavam os mandamentos, e não pelo mundo. Conforme falou Jesus em João Cp.17 V.9: “Eu rogo por eles; não rogo pelo mundo, mas por aqueles que me deste, porque são teus.”
       Em Hebreus Cp.10 V.14 diz: “Porque, com uma só oblação, aperfeiçoou para sempre os que são santificados.” Isto foi repetido para chamar mais a atenção dos que estão lendo. Porque a morte de Jesus não foi para salvar a humanidade contaminada com o vírus da prostituição.
       Então; o que será dos pecadores? João Cp.17 V.20, Jesus disse: “E não rogo somente por estes, mas também por aqueles que, pela sua palavra, hão de crer em mim.” Foi por isto que Paulo falou em Gálatas Cp.3 V.29: “E, Se sois de Cristo, então sois descendência de Abraão, e herdeiros conforme a promessa.” Todos que guardarem os mandamentos e se santificar em Cristo, nascerão na geração de Abraão, tanto judeu como gentil.
       Veja a promessa que Deus fez a Abraão em Gênesis Cp.22 V.18, onde Deus disse: “E em tua semente serão benditas todas as nações da terra; porquanto obedeceste à minha voz.” Veja que o profeta Isaías confirmou esta promessa, em Isaías Cp.27 Vs.5e6, Deus disse: “Ou que se apodere da minha força e faça paz comigo; sim, que faça paz comigo. Dias virão em que Jacó lançará raízes, e florescerá e brotará Israel, e encherão de fruto a face do mundo.”
      Tanto judeu como gentil que morrer em Cristo Jesus Nosso Senhor irão fazer parte da semente de Abraão; irão nascer nesta semente santa para encher o mundo. É assim que todas as nações da terra serão benditas na semente de Abraão. Deus conservou o povo de Israel para tirar seu filho da geração deles, depois entregou-os nas mãos dos romanos para serem destruídos e apagou o nome de Israel porque já estavam contaminados com o vírus da prostituição.
       Veja em Jeremias Cp.5 Vs.8e9, onde diz: “Como cavalos bem fartos, levantam-se pela manhã, rinchando cada um à mulher do seu companheiro. Deixaria eu de castigar estas cousas, diz o Senhor, Ou não se vingaria a minha alma de uma nação como esta?” Este foi o povo de Israel, por quem Deus operou tantas maravilhas, entregando para eles seus 10 mandamentos; mas o vírus da prostituição contaminou a semente santa.
       Todos mudaram de comportamento perante Deus. Se misturaram com as outras nações, pegando a lepra do pecado.
       Os habitantes do mundo vieram através de uma natureza maligna, pelo caminho da prostituição por causa da mistura do sangue. Este é o caminho por onde aparece a pederastia, e toda sorte de natureza maligna.
       Se a religião tivesse orientado o povo, e houvesse punição severa para o adultério e para a prostituição, educando o povo no conhecimento deste ato, você veria a paz reinar neste mundo. Porque toda miséria só vem pela escuridão da ignorância.
       Para o lado espiritual, o mundo é uma grande cidade sem luz, por causa das religiões. Foi por isso que em Jó Cp.10 Vs.20 a 22,ele disse:  “Porventura, não são poucos os meus dias? Cessa, pois, deixa-me para que por um pouco eu tome alento; antes que me vá, para nunca mais voltar, à terra da escuridão e da sombra da morte; terra escuríssima, como a mesma escuridão, terra da sombra da morte e sem ordem alguma, e onde a luz é como a escuridão.”  Jó falou isto em 1520 antes de Cristo; até aos nossos dias, já fazem 3531 anos e o mundo continua na mesma escuridão.
       Em João Cp.8 V.12, Jesus disse: “Eu sou a luz do mundo; quem me segue não andará em trevas, mais terá a luz da vida.” Ele foi morto e o mundo continuou na mesma escuridão.
       A igreja romana abriu as portas para a escuridão e as igrejas evangélicas também andam na mesma escuridão, às apalpadelas, sem terem luz, desatinadas como ébrios. Observe as multidões que seguem estas religiões, elas não têm luz para iluminar a humanidade.
       Veja em Mateus Cp.5 Vs.14 a 16, onde Jesus disse para seus discípulos: “Vós sois a luz do mundo: não se pode esconder uma cidade edificada sobre um monte; nem se acende a candeia e se coloca debaixo do alqueire, mas no velador, e dá luz a todos que estão na casa. Assim resplandeça a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem o vosso pai, que está nos céus.”
       O mundo não aceitou a luz de Jesus e nem dos filhos da luz, os quais eram os seus verdadeiros discípulos. Hoje, nem Jesus que era a luz deste mundo, nem os seus discípulos estão aqui. 
       Quem são as luzes da igreja de Roma e das igrejas evangélicas hoje?
       Elas estão na escuridão do mundo. Abriram a porta de iniqüidade, negando o retorno da vida, dizendo que a ressurreição é da sepultura, esperando nesta mentira até os dias de hoje. Todos os habitantes do mundo um dia saberão, que a ressurreição é por meio de nascimento. Em  Hebreus Cp.11 V.35 diz: “As mulheres receberam, pela ressurreição, os seus mortos; uns foram torturados, não aceitando o seu livramento, para alcançarem uma melhor ressurreição.” A ressurreição ruim que eles tiveram, foi nascer exatamente neste sistema mundano. 
       Roma negou a ressurreição por meio de nascimento, por causa da iniqüidade que ela praticou no passado. Mas ninguém escapa da justiça de Deus e do seu Juízo que é debaixo do sol; aqui na terra mesmo; conforme Eclesiastes Cp.3 Vs.15e16.  
       Mas, chegará o dia em que todos saberão que o pecado é condenado na carne, conforme Salmos Cp.62 V.12, que diz:“A ti também, Senhor, pertence a misericórdia; pois retribuirás a cada um segundo a sua obra.” Já em Provérbios Cp.12 V.14 diz: “Cada um se farta de bem pelo fruto de sua boca, e o que as mãos do homem fizerem isto ele receberá.” Até isto eles negam ao povo dizendo que basta levantar as mãos para Jesus, salvá-los.  
       Em Hebreus Cp.10 V.22, Paulo disse: “Cheguemo-nos com verdadeiro coração, em inteira certeza de fé; tendo os corações purificados da má consciência, e o corpo lavado com água limpa.” Isto é, sem mistura. Muitos são lavados com a lama do engano. São os mesmos que dizem, que basta levantar as mãos para Jesus salvá-los. Mas como pode uma semente toda contaminada com o vírus da prostituição ser pura?
       Em Salmos Cp.101 V.6, Deus disse: “Os meus olhos procurarão os fiéis da terra, para que estejam comigo: o que anda num caminho reto, esse mim servirá.” Mas servirá para quê? Para anunciar a justiça e o juízo de Deus aos pecadores, para que eles vejam, ouçam e temam. É necessário ter conhecimento da palavra de Deus. Para ensinar aos ignorantes, que eles devem se livrar da prostituição, porque este mal contaminou a terra.
       Em Romanos Cp.1 Vs.26 a 32, Paulo escreveu o efeito da semente da prostituição. Como ele era um homem de Deus, mostrava o efeito desta semente maligna, que corrompeu a terra. Em l Coríntios Cp.5  Vs.9e10, Paulo disse: “Já por carta vos tenho escrito, que não vos associeis com os que se prostituem; isto não quer dizer absolutamente com os devassos deste mundo, ou com os avarentos, ou com os roubadores, ou com os idólatras; porque então vos seria necessário sair do mundo.”
       Em I Coríntios Cp.6 V.9e10, Paulo tornou a dizer: “Não sabeis que os injustos não hão de herdar o reino de Deus? Não erreis: Nem os devassos, nem os idólatras, nem os adúlteros, nem os efeminados, nem os sodomitas, nem os ladrões, nem os avarentos, nem os bêbados, nem os maldizentes, nem os roubadores herdarão o reino de Deus.” Esta é a semente contaminada com o vírus da prostituição.
       Em Romanos Cp.1 V.26, Paulo disse: “Pelo que Deus os abandonou às paixões infames. Porque até as suas mulheres mudaram o uso natural, no contrário à natureza.” [ Mulher assumindo outra mulher no lugar do marido, veja que depravação! ]E Ele continuou dizendo:“E, semelhantemente, também os varões, deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua sensualidade uns para com os outros, varão com varão, cometendo torpeza e recebendo em si mesmos a recompensa que convinha ao seu erro.” A punição deste erro é a pena de morte, conforme ordenado em Levítico Cp.20 V.13.
       Em Romanos Cp1. V.28 a 32, diz: “E, como eles não se importaram de ter conhecimento de Deus, assim Deus os entregou a um sentimento perverso, para fazerem coisas que não convém; Estando cheios de toda iniqüidade, prostituição, malícia, avareza, maldade; cheios de inveja, homicídio, contenda, engano, malignidade; Sendo murmuradores, detratores, aborrecedores de Deus, injuriadores, soberbos, presunçosos, inventores de males, desobedientes aos pais e às mães; Néscios, infiéis nos contratos, sem afeição natural, irreconciliáveis, sem misericórdia; Os quais, conhecendo a justiça de Deus (que são dignos de morte os que tais coisas praticam), não somente as fazem, mas também consentem aos que as fazem.”
       Todas as nações da terra têm conhecimento da justiça de Deus, porque todas sabem que Deus existe. Ele é um reto juiz, nada fica impune. O Senhor Deus Jeová sabe, que toda terra está contaminada e corrompida por causa do vírus da prostituição, e que esta terra, não vai  se limpar tão fácil. Haverá esperança, para todo aquele que pregar a palavra de Deus com Justiça, e para todos que a ouvirem e parar de praticar iniqüidade.
       Quando Deus separou o povo de Israel para ser seu povo escolhido; Ele estabeleceu a sua lei, e os seus estatutos. Todo homem ou mulher, que adulterasse violando-os, eram mortos. Se uma moça virgem se prostituísse, era morta. Não poderia haver mistura de sangue naquela geração, para que não nascessem sodomitas, efeminados, mulheres lésbicas, ladrão, assassino, e nem feiticeiro; Deus decretou a pena de morte para essas pessoas más. Porque as demais nações já estavam contaminadas.
       Por isso houve a proibição para não se misturarem com outras nações, para que não houvesse contaminação. Pois se isto acontecesse, eles não poderiam permanecer na terra. Sendo necessária a pena de morte para todo tipo específico de pecado; mesmo para o homicida. Porque o resgate de uma vida é outra, e não a prisão, a qual não paga uma iniqüidade que contamina toda terra. Os homens que governam os países esqueceram-se de valorizar a vida; mas o mundo está preparado para entrar num grande holocausto perante Deus. Serão milhões de vidas perdidas só para servir de estrume para a terra, conforme o que falou o profeta Jeremias no Cp.25 V.33.
       Os sodomitas estão tomando conta do mundo e os homens fazendo matrimônio com os sodomitas. Desde o princípio do mundo nunca se viu uma abominação como esta, e muitos fazem festas, passeatas com os sodomitas e criam leis para não descriminá-los. Em Salmos Cp.94 V.20, diz: “Podia acaso, associar-se contigo o trono de iniqüidade, que forja o mal tendo por pretexto uma lei? No versículo 23, Deus dá a resposta para eles; quando diz: “E fará recair sobre eles a sua própria iniqüidade; e os destruirá na sua própria malícia: o Senhor nosso Deus os destruirá. Em Salmos Cp.92 V.7 diz: “Brotam os ímpios como a erva, e florescem todos os que praticam iniqüidade, mas para serem destruídos para sempre.
       Eles fazem suas leis iníquas para dar apoio aos abomináveis e não querem que ninguém descrimine os sodomitas. Em Daniel Cp.12 V.10 diz: “Muitos serão purificados, e embranquecidos, e provados; mas os ímpios procederão impiamente, e nenhum dos ímpios entenderá, mas os sábios entenderão.” [Os sábios das ciências espirituais e não da ciência material]. Em l Coríntios Cp.2 Vs.14e15 diz: “Ora o homem natural não compreende as coisas do espírito de Deus, porque lhe parece loucura; e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente. Mas o que é espiritual discerne bem tudo, e ele de ninguém é discernido.” Foi por isso que Daniel disse que os sábios entenderiam.
       Em Jó Cp.9 V.24, diz: “A terra é entregue às mãos do ímpio; ele cobre o rosto dos juízes; se não é ele, quem é logo?”
       Se a terra está entregue nas mãos dos ímpios qual será a felicidade dos povos?
       Em Provérbios Cp.28 V.2 diz: “Por causa da transgressão da terra, muitos são os seus príncipes, mas por virtude de homens prudentes e entendidos, ela continuará.” O homem sábio e prudente vai dar ouvido às leis dos ímpios e transgressores? Se os ímpios não entendem o que é justo qual é a lei certa que eles fazem? As leis que eles fazem sempre é a favor da corrupção.
       Em Isaías Cp.10 Vs.1a4 diz: “Ai dos que decretam leis injustas, e dos escrivães que escrevem perversidades, para prejudicarem os pobres em juízo, e para arrebatarem o direito dos aflitos do meu povo; para despojarem as viúvas, e para roubarem os órfãos! Mas que fareis vós outros no dia da visitação, e da assolação, que há de vir de longe? A quem recorrereis para obter socorro, e onde deixareis a vossa glória, Sem que cada um se abata entre os presos, e caia entre os mortos? Com tudo isso a sua ira não se apartou, mas ainda está estendida a sua mão.”
       Veja também em Isaías Cp.5 Vs.20e21, que diz: “Ai dos que ao mal chamam bem, e ao bem mal: que fazem da escuridade luz, e da luz escuridade, e fazem do amargo doce, e do doce amargo! Ai dos que são sábios a seus próprios olhos, e prudentes diante de si mesmos!” Já em Salmos Cp.49 V.20 diz: “O homem que está em honra, e não tem entendimento, é semelhante aos animais, que perecem.” São estes que fazem da escuridade luz, e da luz escuridade. Fazem do amargo doce, e do doce amargo. São os mesmos que fazem de um sodomita um cidadão de bem, e um cidadão de bem igual a um sodomita, e fazem de uma senhora uma mulher lésbica, e de uma mulher lésbica uma senhora.
       Se não houvesse descriminação, todos não seriam iguais?
       Veja o que Deus falou em Ezequiel Cp.44 V.23: “E a meu povo ensinarão a distinguir entre o santo e o profano, e o farão discernir entre impuro e o puro.” Em ll Coríntios Cp.6 Vs.17e18 Paulo disse: “Pelo que saí do meio deles, e apartai-vos, diz o Senhor; e não toqueis nada imundo, e eu vos receberei; E eu serei para vós Pai e vós sereis para mim filhos e filhas, diz o Senhor todo-poderoso.”
       Todos que fazem leis apoiando todas estas abominações são filhos ou inimigos de Deus?
       Em Salmos Cp.32 V.9, diz: “Não sejais como o cavalo, nem como a mula, que não tem entendimento, cuja boca precisa de cabresto e freio, para que se não atirem a ti.” Aqui está provado que os governos deste mundo estão com a mente de cavalo, sem terem entendimento algum, fazendo leis iníquas para valorizar quem não merece. Lembrem do que está escrito em Salmos Cp.94 V.20, e que aqui foi enfatizado várias vezes; “Podia acaso associar-se contigo o trono de iniqüidade, que forja o mal tendo por pretexto uma lei?” Os que estão no trono da iniqüidade são os que estão em honra, mas são como cavalos que não têem entendimento.  Não sabem diferenciar um cidadão de bem, de caráter, brilho e vergonha, de um pederasta, de uma lésbica, de ladrões, assassinos, estupradores, maconheiros, e todo o tipo de gente corrupta e mal. Os quais são a lama da sociedade.
       Em Provérbios Cp.10 V.20, diz: “Prata escolhida é a língua do justo: o coração dos ímpios é de nenhum preço.” Mas para o trono da iniqüidade vale tudo. Nós como cristãos devemos aceitar isto? Nunca. Os que fazem parte do trono da iniqüidade aceitam isto, mas nós temos que descriminá-los, não podemos fazer mal a nenhum deles, conforme Provérbios Cp.9 V.6, que diz: “Deixai os insensatos, e vivei, e andai pelo caminho do entendimento.” Fazer mal a eles não; mas descriminá-los, sim! “ Sai do meio deles!” ll Coríntios Cp.6 V.17a18.
       Em ll Timóteo Cp.2 V.19, Paulo disse: “Todavia o fundamento de Deus fica firme, tendo este o selo: O Senhor conhece os que são seus, e qualquer que profere o nome de Cristo aparte-se da iniqüidade.” E em Efésios Cp.5 V.11 diz: “E não comuniqueis com as obras infrutuosas das trevas, mas, antes, condenai-as.”  Foi por isso que Deus disse sai do meio deles. Sabemos que estes tais estão pervertidos e pecam, estando já em si mesmo condenados, porque são muitos os que apóiam a iniqüidade, conforme está escrito em; Tito Cp.3 V.11. E os que criaram estas leis, como estão diante de Deus?
       Se estes homens conhecessem a Deus e a sua justiça jamais criariam estas leis iníquas para contaminar a terra e provocar a ira de Deus. Não se deve criar leis para proteger o mal a não ser, outro mal. As leis foram criadas para proteger o bem, veja em Provérbios Cp.20 V.26, que diz: “O rei sábio dissipa os ímpios e faz girar sobre eles a roda.” Mas o rei que está em honra, e não tem entendimento, é representado pelos que criam as leis corruptas para proteger o mal.
       Em l João Cp.5 V.19e20, o apóstolo João disse: “Sabemos que somos de Deus, e que todo o mundo está no maligno.” É por isso que o mal tem apoio no meio da sociedade. Eles conservam o mal por causa do sentimentalismo, criando leis para beneficiá-lo.
       Nós sabemos que a justiça da terra está corrompida aos olhos de Deus. Se os homens conhecessem como opera a justiça de Deus neste mundo, jamais tentavam recompensar o mal. Em Eclesiastes Cp.1 V.15, diz: “Aquilo que é torto não se pode endireitar; aquilo que falta não pode ser calculado.” Em Salmos Cp.58 V.3e4 diz: “Alienam-se os ímpios desde a madre; andam errados desde que nasceram, proferindo mentiras, têm veneno semelhante ao veneno da serpente; são como a víbora surda, que tem tapados os seus ouvidos.” Em Isaías Cp.48 V.8 diz: Nem tu as ouviste, nem tu as conheceste, nem tão pouco desde então foi aberto o teu ouvido, porque eu sabia que obrarias muito perfidamente, e que eras prevaricador desde o ventre.” Se vê que é impossível a justiça ressocializá-los novamente. Se no ventre materno já estavam errados, quanto mais fora do ventre?
       Quando caem nas mãos da justiça, estes infratores [como eles dizem],são acobertados e tratados como crianças e adolescentes [apelido que eles receberam da justiça]. O adolescente, e a criança que eu conheço,são da faixa etária de seis meses a cinco anos.
       Em Mateus Cp.7 V.16, Jesus disse que pelos frutos se conhece a árvore, dando fruto doce ou amargo, mas se a árvore só der frutos amargos, não está pronta para viver no meio da sociedade, porque irá intoxicar a muitos. Em Provérbios Cp.20 V.11 diz: “Até a criança se dará a conhecer pelas suas ações, se a sua obra for pura e reta.”
       O indivíduo de cinco a quinze anos deve ser castigado pelos pais, passando disso, é a justiça que deve fazer uma avaliação. Se ele for homicida, deve-se fazer o que está escrito em Provérbios Cp.28 V.17, que diz: “O homem carregado do sangue de qualquer pessoa fugirá até à cova: ninguém o detenha.” Mas, se não é homicida, a justiça tem que castigá-lo com prisão até sete vezes, se não der para ressocializá-lo no meio da sociedade, o juiz decreta a sua execução. Porque se ele for amargo, ninguém jamais o tornará doce.
       Em Deuteronômio Cp.1 Vs.16e17, Moisés disse para o povo:“E no mesmo tempo, mandei a vossos juízes, dizendo: Ouvi a causa entre vossos irmãos, e julgai justamente entre o homem e seu irmão, e entre estrangeiro que está com ele. Não atentareis para pessoa alguma em juízo, ouvireis assim o pequeno como o grande: não temereis a face de ninguém, porque o juízo é de Deus; porém a causa que vos for difícil fareis vir a mim,e eu ouvirei.” Até hoje todos sabem que o juízo é de Deus. Em Salmos Cp.89 V.14 diz: “Justiça e juízo são a base do teu trono; misericórdia e verdade vão diante do teu rosto.” 

       Todos sabem que Deus é um reto juiz; e todos os juízes da terra têm que imitar o juízo de Deus. Porque nem eles mesmos, nem os governadores, e os que fazem as leis para reger a nação com os seus códigos de leis injustas; fazem com que rejeitem o código Divino que é a sagrada escritura. Mas o mundo será julgado com este código de Deus, que será através do evangelho eterno, onde nenhuma nação do mundo poderá escapar da justiça Dele.
       Em Romanos Cp.13 Vs.1a5 Paulo diz: “Toda a alma esteja sujeita às potestades superiores; porque não há potestade que não venha de Deus; e as potestades que há foram ordenadas por Deus.” Por isso, quem resiste à autoridade resiste à ordenança de Deus; e os que resistem trarão sobre si a mesma condenação. Porque os magistrados não são terror para as boas obras, mas para as más. Queres tu, pois, não temer as autoridades? Faze o bem e terás louvor dela. Porque ela é ministro de Deus para teu bem. Mas, se fazes o mal, teme, pois não traz debalde a espada; porque é ministro de Deus e vingador para castigar os que fazem o mal. Porquanto, é necessário que lhe estejais sujeitos, não somente pelo castigo, mas também pela consciência.
       Será que a justiça do mundo apoiando toda a iniqüidade, está cumprindo o que foi determinado por Deus?
       Qual será o código que Deus deu aos juízes, para julgar os povos; tanto natural como estrangeiro, que se encontravam no meio deles?
       Foi o código Divino, pela escritura sagrada conforme Paulo relatou aos romanos. Mas as nações se desviaram e criaram seus códigos, observando seus próprios interesses. Porque se elas estivessem cumprindo o que foi determinado por Deus, as nações da terra estariam civilizadas espiritualmente.
       Enquanto as nações não tirarem o mal de dentro delas, jamais serão civilizadas. Elas serão civilizadas só na aparência, porque uma nação civilizada não pode ter a lama da corrupção. Portanto não há adultério, homossexual, lésbica, estuprador, ladrão, homicida, nem baixa magia negra. Porque tudo isto é a lama das nações, que é tratada como escória da sociedade.
       A justiça de uma nação civilizada e as suas leis também são justas, não dão honra ao homossexual, a mulher lésbica, ou a nenhuma das criaturas que não respeitam a lei da natureza. Observe o que diz em Provérbios Cp.10 V.20: “Prata escolhida é a língua do justo: o coração dos ímpios é de nenhum preço.” Mas os insensatos estão dando preço aos corações deles, porque os corações dos insensatos não fazem diferença.
       Em Eclesiastes Cp.4 V.13 diz: “Melhor é o mancebo pobre e sábio do que o rei velho e insensato, que se não deixa mais admoestar.” Os homens que governam o mundo devem ter muito zelo pelo planeta terra para conservar o bem. Em primeiro lugar, a fauna e a flora; temos que ter muito zelo por estas vidas. Mas os que governam o mundo, não têm conhecimento da vida. Observamos a destruição dela, desde as árvores, até aos seres humanos. São milhões de vidas destruídas.
       Nós sabemos que a vida é parte integrante de Deus. Que são as energias do seu corpo, e que é expandida em todo o universo.  
       A semente humana se perdeu por falta de conhecimento. Deus criou alguns homens para pastores [que são sacerdotes], juízes e governadores. A obrigação destes homens, seria viverem na terra aproximados de Deus; para representar a grande majestade Dele aos povos. Para que eles soubessem que foi Deus o criador de tudo, e para todos o reconhecerem como pai de todos os seres humanos.
       O trabalho que Deus ordenou aos sacerdotes foi como o que ele ordenou a Arão. Deus disse para ele: “Na sua terra possessão nenhuma terás,e no meio deles,nenhuma parte terás: eu sou a tua parte e a tua herança no meio dos filhos de Israel.” Conforme Números Cp.18 V.20. Esta é a parte que cabe a quem ele chamou como sacerdote.
       Agora observe a obrigação dos que são chamados como juízes: Está escrito em Deuteronômio Cp.1 Vs.16 e 17, onde diz que a medida que ele der para o pequeno deverá ser dada para o grande porque o juiz está representando a justiça de Deus. Quando os infratores são presos, levados para delegacia, os escrivães escrevem os relatos das testemunhas e enviam os depoimentos para o juiz. O juiz é quem dá a sentença. Veja que estes infratores teriam que passar pela regência sacerdotal. Se por um acaso eles não obedecessem à disciplina passada pela ordem sacerdotal, seriam entregues nas mãos do juiz. Estas três personagens;  governador, sacerdote e  juiz, tem por obrigação dar paz à população que está sob seu poder.
       A lei e o estatuto divino devem estar nas mãos do sacerdote para ser lido aos ouvidos do povo, do governador e do juiz. Se o infrator for homicida tem que ser morto; porque uma vida não se paga apenas com uma prisão. Muitos acham que se o homicida for preso, é o suficiente para que ele pague o sangue do seu ente querido que foi morto.
       Esta atitude fará com que eles consolem suas lágrimas? De maneira nenhuma. Até nisto o povo se torna  inocente e é enganado.
       As religiões nunca educaram o povo na justiça de Deus, para que o povo possa temer a Deus. O mundo só se encontra nesta infelicidade por causa dos líderes religiosos. Eles vieram com a missão de representarem a justiça e o juízo de Deus; mas não o fazem. Em Provérbios Cp.8 Vs.15e16, Deus diz: “Por mim reinam os reis e os príncipes ordenam justiça. Por mim governam os príncipes e os nobres; sim,todos os juízes da terra.
       Esta é a parte material que foi dada a eles para que pudessem dominar seus países. Foi o que o apóstolo São Paulo falou aos Romanos no Cp.13 Vs.1a7; ele disse: “Toda a alma esteja sujeita às potestades superiores; porque não há potestade que não venha de Deus; e as potestades que há foram ordenadas por Deus.
Por isso quem resiste à potestade resiste à ordenação de Deus; e os que resistem trarão sobre si mesmos a condenação. Porque os magistrados não são terror para as boas obras, mas para as más. Queres tu, pois, não temer a potestade? Faze o bem, e terás louvor dela.
Porque ela é ministro de Deus para teu bem. Mas, se fizeres o mal, teme, pois não traz debalde a espada; porque é ministro de Deus, e vingador para castigar o que faz o mal. Portanto é necessário que lhe estejais sujeitos, não somente pelo castigo, mas também pela consciência.
Por esta razão também pagais tributos: porque são ministros de Deus, atendendo sempre a isto mesmo. Portanto dai a cada um o que deveis: a quem tributo, tributo:  a quem imposto, imposto: a quem temor, temor: a quem honra, honra.”
       Estas são as partes que Deus determinou para cada governo da terra.       A humanidade tem que contribuir com as autoridades que estiverem ao lado do governo, para o bem de todos, fazendo cada um a sua parte.
       Mas será que os governantes de hoje, estão cumprindo as ordenanças de Deus pelo código Divino?
       Não! Todos se desviaram da ordenança de Deus, conforme falou Isaías Cp.24 Vs.5e6.
       Agora vamos para a parte religiosa:
       Muitos líderes religiosos foram chamados por Deus para o ministério do evangelho. Para serem ministros de Deus, eles têm que viver separadamente dos pecadores, servindo como exemplo para os fiéis; na palavra, no trato, na caridade, no espírito, na fé, e na pureza; para educar o povo na obediência às leis de Deus.
       Em primeiro lugar eles devem orientá-los sobre o adultério, e a prostituição. Ensinar ao povo as conseqüências que estes pecados trazem para o mundo, por causa da mistura do sangue. Os pastores e os sacerdotes, tem que ensinar às famílias da terra, a guardarem a lei de Deus, porque a lei de Deus é o equilíbrio e a paz para terra.
       Em Malaquias Cp.2 V.7, Diz: “Porque os lábios do sacerdote guardarão a ciência, e da sua boca buscarão a lei, porque ele é o anjo do Senhor dos Exércitos.” Nenhum sacerdote jamais foi digno de confessar e perdoar as iniqüidades de ninguém.
       Em Provérbios Cp.6 V.23, diz: “Porque o mandamento é uma lâmpada, e a lei uma luz: e as repreensões da correção são o caminho da vida.” Este é o trabalho dos sacerdotes e pastores: Guardarem as leis de Deus, para que não tragam conseqüência para os governantes da terra.
       Quem anda na Lei de Deus, tem luz em si mesmo. Se ele não está andando na luz, terá a repreensão e a correção que é o caminho da vida.
       Aí, já não cabe mais ao sacerdote, e sim, às autoridades superiores do governo. Porque eles também foram chamados e são ministros de Deus para castigar aos que fazem o mal. Em Romanos Cp.7 V.1, Paulo disse: “Não sabeis vós, irmãos (pois que falo aos que sabem a lei), que a lei tem domínio sobre o homem por todo o tempo que vive?” A lei de Deus só tinha poder quando as autoridades superiores dos governos estavam com ela. Os únicos culpados desta transgressão foram os religiosos; começando por Roma. Porque em 1453 ela passou a ser a capital do mundo cristão.
       O que foi que Roma fez pelo o bem da humanidade, para civilizá-la espiritualmente?
       Nada foi feito por ela para o bem da humanidade. Mas, antes fez guerra contra os santos que guardavam os mandamentos de Deus; e tinham as testemunhas de Jesus Cristo. Isto foi o que ela fez.
       Porque, invocar o nome de Jesus, sem guardar os mandamentos das leis de Deus; e sem mostrar a justiça de Deus para o mundo; é abrir as portas do inferno para os horrores do mundo.
       Como está escrito em ll João Cp.1 Vs.9 a 11, que diz: “Todo aquele que prevarica, e não persevera na doutrina de Cristo, não tem a Deus: quem persevera na doutrina de Cristo, esse tem tanto ao pai como ao Filho. Se alguém vem ter convosco, e não traz esta doutrina, não recebais em casa, nem tampouco saudeis. porque quem o saúda tem parte nas suas más obras.”              


Nenhum comentário:

Postar um comentário